pet samoieda

O excepcional pet Samoieda

O excepcional pet Samoieda

A história do Samoiedo é bem controversa e complexa, entretanto há uma interpretação que é bem aceita entre os tratadores – esses cachorros foram empregados pelas civilizações nômades da região da Sibéria há mais de 5 mil anos. Segundo os registros, esta espécie só era capaz de ser encontrada em meio a estas tribos, originando, deste modo, o seu nome. Estes povos empregavam estes cachorros para tracionar trenós, capturar e para o pastoreio.
Por volta dos anos 1870 a 1909, os primeiros exemplares desta raça foram importados para o território inglês, porém ainda não fossem pura raça. Afirmam que a Monarca Alexandra gostou com tal força da espécie que fez bastante para tentar fomentar a raça em sua nação. Somos capazes de olhar traços destes cães em determinados exemplares vigentes.
O Grão-Duque da Rússia, Nicolau, obteve de presente um Samoiedo, e esta raça conquistou a América no período de 1906. A partir da Segunda Guerra Mundial a notoriedade desse cão vem crescendo mais e mais devido ao seu temperamento manso, sua bela fisionomia e suas condutas como um cachorro de puxar trenós.

pet samoieda

Características Físicas do Samoiedo

Seu focinho possui um formato médio e uma tonalidade mais escura, suas orelhas são de um tamanho médio, bastante afastadas uma da outra, sua cabeça possui um aspecto de cunha e seus olhos bem fundos; sua constituição de pelos é bem densa, suas patas são arredondadas e ele conta com um porte muito robusto e musculoso.
A cauda é demasiadamente bonita, tendo uma pelagem densa e um molde anovelado sobre o lombo e tomabando para um dos lados. Sua expressão facial chega a ser engraçada: no momento em que olhamos para ele, temos a impressão de que ele se encontra constantemente dando risadas!
Seu pelo é extenso, macio, alisado e levemente volumoso. Sua coloração tradicional é o branco simples, contudo conseguimos percerbê-lo em outras tonalidades: branco palha, amarela, amarelada e branco, preto e branco e branco e pardo.

Temperamento do Samoiedo

O Samoiedo é um cão bastante carismático que não vai medir esforços em agradar o dono, seus familiares e inclusive os visitantes! Se familiarizado, ele vai desejar constantemente, ainda, deitar todas as noites com o seu dono. Ele é um ótimo cachorro para acompanhamento, principalmente para criançinhas e os mais velhos já que é muito brincalhão e amoroso.
Devido a ser um cão gerado exclusivamente para o trabalho, ele necessita de muitas atividades físicas para que seja capaz de gastar esta energia, se isso não ocorrer, ele pode se tornar um espécime muito estressado. Para você que deseja obtê-lo, entenda que esta espécie necessita de um amplo lugar, já que eles não estão bem ficando presos, tanto faz em grandes residências ou em amplos apartamentos. Toda vez que se sentem sozinhos ou irritados, eles inclinam-se a gerar um comportamento mais destruidor, ladrando muito, mordendo os utensílios em sua vista e escavando por toda parte.
Estes cachorros não são facilmente ensináveis, são desobedientes e mais propensos a puxar trenós do que ser mantido em coleiras, mas por gostarem de satisfazer o dono, vão compreender ao longo do tempo.
Essa espécie possui tendência a ser dominante e podem não se relacionar com outros cães domésticos!

Vantagens em se ter um Samoiedo

Samoiedos são muito dóceis, sensíveis, carinhosos, inteligentes e estão a todo momento com “alegria” no rosto! Conquistar o proprietário e todo mundo a sua volta é um forte hábito que esse cachorro possui.
Por causa de sua afetividade e meiguice, o Samoiedo não vai querer ficar longe de seu proprietário por bastante tempo, o que faz com que esta raça muito apreciada por todos.
Como essa raça consegue se dar muito bem com visitas e hóspedes, você nunca terá que ficar esquentando a cabeça em deixá-lo preso! Samoiedos são bem meigos até com pessoas desconhecidas, eles vão ser receptivos com os hóspedes dos proprietários.
Essa raça se mantém bastante higiênica por muitos dias, ainda que sejam cachorros essencialmente alvos e muito peludos. Por não terem glândulas subcutâneas, esta raça não tem um mau cheiro, que é próprio nas demais raças de cachorro. Em outras palavras, a economia com a limpeza do pet será bastante alta!

 

Pontos fracos do Samoiedo

Pet Samoieda

Samoiedos precisam de exercícios físicos todo dia, já que são bichos extremamente ativos e familiarizados com o trabalho árduo, para se manterem mansos.
Esses cães são bastante dóceis, portanto, se você necessita de um cão de guarda, esqueça o Samoiedo.
Eles são brincalhões, todavia conseguem ser do tipo travesso “teimoso” e tornam-se incontroláveis, não obedecendo às ordens dadas pelo dono.
O Samoiedo é um cachorro bastante dominador, não é sugerido possuir outros animais domésticos junto do Samoiedo, especialmente gatos! Mas, se tiver algum outro animal em sua residência, adestre o Samoiedo desde filhote para respeitar os amigos.
Esse cão provém de terras nórdicas geladas e, mesmo se ajustando ao clima tropical, não é adequado condicioná-los a temperaturas muito altas.
O Samoiedo costuma largar bastante pelo ao longo da residência por causa da sua troca de pelo.
Certos problemas de saúde são comuns a espécie – olhos com cor esquisita, orelhas tombadas, constituição óssea desequilibrada, joelhos de vaca protuberantes, sinuosidade na pelagem, propriedades sexuais não determinadas, displasia coxofemoral, surdez, naniquismo e atrofia progressiva da retina.

Como cuidar de um Samoiedo

O Samoiedo é um cão que possui muita energia e carece de despendê-la de alguma forma, se você objetiva adquirir um cachorro desta espécie, esteja capacitado para caminhadas diárias e bastante diversão! Se você deseja um cão mais educado, domestique-o desde filhotinho.
E caso você possua outros animais de estimação, o adestramento do Samoiedo é imprescindível: sem ele você vai ter um cachorro bastante retraído, especialmente com outros espécimes.
O Samoiedo é um cão extremamente teimoso e rebelde, o que o faz bastante difícil de impor limites: ele irá desejar ficar dentro do lar e você irá se esforçar para poder domesticá-lo, então o adestramento tem que ser feito o mais cedo possível! Por semana faça a escovação de seu pelo, pois eles vão cair com assiduidade se você não fizer a escovação.
Porém, eles são bastante apegados com o seu dono, carecendo de demasiado afeto, afago e atenção.

Filhotes de Samoiedo

Esses cachorrinhos são bastante carentes, sempre pretendendo mamar e repousar muito, fora que eles são semelhantes a umas “bolinhas de pelo”! Porém eles se desenvolvem bastante depressa e por volta da quinta e 10° semana de existência já se tornam exímios “exploradores” do espaço onde moram. É nesse momento que o dono necessita de começar a treiná-lo a fim de que as ordens sejam mais habituais para o cão. Nesse momento ele se encontra mais inclinado a interagir com as demais pessoas, sendo mais simples ensiná-lo. O treinamento precisa de ser mais aprofundado depois dos 3 meses, porque nessa etapa o Samoiedo permanece mais “dono de si”, logo sendo mais complicado ensiná-lo. Após 1 ano de vida, este cão fica mais sagaz, dessa forma o seu proprietário tem que pôr mais veemência no seu ensinamento com o intuito de conseguir resultados mais satisfatórios.
Um filhote apropriado precisa ser travesso e bastante bem-disposto. Relativo às seu porte físico, é imprescindível terem olhos marrons e lábios escurecidos e com um “sorriso” típico da espécie. No que tange às orelhas, não esquente a cabeça, elas só se elevarão logo após os três meses de vida. O rabo deita sobre seu dorso após os dois meses.

Pet Samoieda

Curiosidades acerca do Samoiedo

O Samoiedo é classificado como o cachorro nórdico mais disciplinado já registrado, contudo ele conta com um estranho hábito de ficar sempre procurando algo, especialmente nos buracos que ele cava no momento em que está entediado.
Na primeira chegada da espécie para o território inglês, nem todos eram genuínos pedigrees nem de coloração branca, alguns eram da coloração de canela e ligeiramente mais baixo que a espécie legítima. A fonte de certos animais originaram-se das tribos nômades.
As primeiras importações oficiais de Samoiedos ocorreram em 1893 e o primeiro clube oficial de criadores da raça se efetivou em 1920 e encontra-se em funcionamento ainda nos dias de hoje.
Em épocas de nevascas, os Samoiedos conseguem revestir o seu focinho com o próprio rabo.
A curvatura dos seus lábios dá a sensação de estarem constantemente “sorrindo”..

Leave a Reply